Notcias

Menina de 4 anos morre aps ser picada por escorpio

Sistema MPA

11/07/2018 16h40

Foi sepultado na manh desta quarta-feira, 11, o corpo de Yasmin Lemos de Campos, de 4 anos, vtima de um escorpio em Cabrlia Paulista. Yasmin foi picada quando brincava no quintal de casa e foi levada ao posto de sade local para receber os primeiros atendimentos. De l, foi transferida para o hospital de Duartina, municpio a 10 quilmetros de distncia.

O hospital, porm, no tinha soro que combate o efeito da picada. A menina foi, ento, levada para uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA), em Bauru, onde acabou morrendo na noite desta tera-feira, 10, pouco depois de receber a medicao.

Familiares culpam a demora no atendimento da criana ao ser transferida para os outros municpios. O caso dever ser objeto de investigao por parte da Polcia Civil.

Vtimas

Com o perodo de estiagem, ataques de escorpies tm se multiplicado nas ltimas semanas em cidades paulistas. Em Sumar, um menino morreu no ltimo sbado, 7, seis dias aps ser picado ao calar um tnis.

Nicolas Benette residia em um condomnio com infestao de escorpies. Assim que sentiu a picada, ele j saiu correndo e gritando, conta Renata Benette, me do garoto. Ele chegou a ser socorrido e levado ao hospital, mas no resistiu.

Em abril, outro menino, de 6 anos, tambm foi vtima de um escorpio, em Barra Bonita. Sem soro na cidade, Bryan Gabriel Alves foi mandado para o hospital de Ja, onde acabou falecendo

Preveno

Em Americana, 234 pessoas foram picadas no primeiro semestre deste ano. Segundo o veterinrio Jos Brites Neto, na cidade a maioria dos ataques envolve a espcie Tityus Serrulatus (escorpio amarelo). O seu veneno possui efeito neurotxico maior do que o encontrado na espcie marrom, explica.

Mais lidas

Morre filho do goleiro Elisson, ex-Cruzeiro

Garoto de 6 anos estava internado desde o ltimo sbado no Hospital Regional de Betim por causa de acidente domstico sofrido em um stio

Jovem posta foto com rosto inchado para denunciar agresso do namorado

Briga comeou aps a vtima ter visto uma conversa do ento namorado com outras mulheres no celular. Rapaz publicou um texto se retratando, mas excluiu meia hora depois.


SIGA O TRIBUNA NAS REDES SOCIAIS

Jornal TRIBUNA
Tribuna

Todos os Direitos Reservados